• 11 Fev 2019

10 dicas para quem vai viajar para o exterior pela primeira (ou décima) vez

Antes de viajar, fique de olho em algumas dicas que você precisa no planejamento de sua viagem!

Por: Aprendiz de viajante
Fonte: www.aprendizdeviajante.com  

As nossas 10 dicas para quem vai viajar para o exterior são o primeiro passo para uma viagem bem sucedida. Porque um destino internacional sempre exige precauções e pesquisas diferentes das que costumamos ter e fazer quando embarcamos para uma viagem nacional!

Então antes de viajar, fique de olho em algumas coisas que você precisa:


1. Verifique datas de passaportes e documentos

A primeira providência, antes mesmo de pensar em viajar para o exterior é emitir o passaporte brasileiro. Se você já tem o passaporte, verifique a validade do mesmo. Alguns países exigem que o passaporte tenha validade de no mínimo 6 meses para entrar no país, então se você tem passaporte mas ele está para vencer, 8 meses antes é uma boa época para fazer a emissão de um novo passaporte.


2. Verifique se é preciso visto para o(s) países que você vai viajar ou fazer conexão

Já imaginou chegar em um país em que você precisa fazer escala, e só descobrir na hora que era necessário um visto?! Seria um pesadelo! Por isso, antes de comprar sua passagem aérea, pesquise se fará conexão e se vai ser preciso o visto (se for, escolha outro vôo que não passe por países que exigem esse documento, ou veja se da tempo de dar entrada no seu). Alguns vistos são mais chatinhos e precisam ser tirados com bastante antecedência, caso dos Estados Unidos por exemplo. Outros países como o Egito e Jordânia permitem que você tire um visto na hora que chegar.


3. Verifique se o destino precisa de cartão de vacinação de febre amarela

Desde que aconteceu o surto de febre amarela no Brasil, vários países passaram a exigir o certificado de vacinação, por isso é necessário saber antes de viajar se seu destino está na lista, e adquirir a documentação necessária antes de decolar! Atenção porque a dose fracionada que alguns postos estão aplicando não servem para solicitar o certificado internacional de vacinação.


4. Decida que moeda e quanto levar

Com cartões de crédito e débito é possível viajar com pouco dinheiro, porém a taxa do IOF é muito superior da moeda em espécie. Não deixe para comprar na última hora no aeroporto, devido ao mercado flutuante, é sempre bom você planejar a compra de sua moeda em 3 etapas, sempre que você identificar que o mercado teva queda, assim você consegue garantir que na média geral, você adquiriu pela melhor taxa. Fique por dentro das melhores taxas do mercado clicando aqui.


5. Verifique seu plano de celular (e compre um chip)

Algumas operadores brasileiras já estão começando a oferecer planos para o exterior, faça as contas do custo x benefício pra ver se vale a pena pra você. Uma ótima opção para sair de casa já conectada são os chips pré-pagos, já que em alguns países não é fácil comprar no aeroporto, além da barreira da língua. Nós não viajamos sem nosso chip da EasySim4U que oferece cobertura ilimitada de internet em mais de 210 países pelo mundo. Chamar Uber, ver mapas, se comunicar com a família, esses são apenas algumas das facilidades que um chip proporciona.


6. Pesquise onde se hospedar

Antes de viajar para o exterior, pesquise onde vai se hospedar e tenha pelo menos a primeira reserva em mãos para poder apresentar na imigração se for solicitado. Escolher com antecedência pode fazer com que encontre preços mais baratos, em hotéis bem localizados e avaliados! Além do Booking.com é possível também encontrar hotéis em sites como Priceline. Temos aqui uma seção de hospedagem com dicas em vários lugares pelo mundo.


7. Decida sua forma de transporte no local de destino

Veja se no seu destino será possível utilizar transporte público ou táxis, ou se será necessário alugar carro. Para alugar um carro em  maior parte dos destinos que usamos carro pelo mundo, nós usamos a RentCars ou a RentalCars. As duas deixam a gente pesquisar todas as locadoras de uma só vez. A RentCars possui escritório no Brasil com atendimento em português e tem desconto no boleto e divide em até 12x no cartão de crédito. Já a RentalCars tem uma variedade maior de locadoras e carros e muitas vezes achamos preços muitos melhores, mesmo se colocarmos o IOF. Então é pesquisar, comparar e ver qual das duas te atende melhor! Em várias cidades pelo mundo é possível também alugar carros nas locadoras locais na hora que você chegar no aeroporto ou porto, mas fique atento que durante a alta temporada muitas cidades pequenas tem seu inventário esgotado. Não esqueça de baixar o mapa offline do seu destino no Google Maps.


8. Faça seguro viagem

Em destino como a Europa por exemplo, o seguro viagem é uma exigência para entrar no país. Além disso, a maior parte dos países no exterior não tem saúde pública, e qualquer imprevisto pode render uma conta exorbitante e quase impossível de pagar! Nós aqui do blog não viajamos sem seguro NUNCA!


9. Pesquise sobre Franquias de Bagagem da empresa aérea que você vai usar

Com a mudança nas leis de despacho de bagagem, é sempre importante checar quantos kg você pode levar na mala, e qual o valor para excesso de bagagem para não ser pego de surpresa antes de embarcar. Fazer a mala com antecedência e seguindo algumas das nossas dicas você conseguirá fazer uma mala mais otimizada e não pagar por excesso de bagagem.


10. Ligue para o banco e empresas de cartão de crédito

A última providência, que você deve fazer alguns dias antes de sair do Brasil é entrar em contato com seu banco e avisar da viagem para que eles façam as mudanças no seu cartão para que você consiga usá-lo no exterior!







Fonte: https://www.aprendizdeviajante.com/10-dicas-para-quem-vai-viajar-para-o-exterior/